Top blog

Top blog
Jl-reflexoes

segunda-feira, 1 de março de 2010

Poesia do Sexo

O livro de Cantares encontrou oposição até mesmo dos mestres que foram selecionar os “Canônicos”, que passariam pelo teste para ser aceito como inspirados. Justamente por ser um livro que fala da relação sexual de forma poética e explicito na intimidade do casal, houve quem fosse contra esse livro ser incluído nos considerados inspirados pelo Espírito Santo.

A igreja cristã desde os tempos de Agostinho via o sexo como algo que tinha o objetivo somente de necessidade de procriação, outros ainda que o sexo fosse o meio da entrada do pecado no mundo, muitos chegaram ao extremo castrar-se!

Há certo “Inconsciente coletivo” no que se refere ao tema sexo na igreja Cristã, desde os primórdios até os dias atuais. O livro de Cantares para muitos é interpretado como uma analogia entre Cristo e a Igreja, pois se não for assim, é preciso admitir que cantares é um livro que fala de forma poética sobre o sexo entre homem e mulher.

Em nossa cultura fizeram uma distinção entre “Sexo” e “Sexo oral”, no entanto, não existe biblicamente essa separação, tão pouco esse nome “sexo oral”, ou algo correspondente, de forma separada, como se fosse dois tipos de sexo, um com penetração considerada normal, e outro sem penetração, considerado pecaminoso, mas a bíblia só fala de sexo!

O livro de cantares não separa “beijo”, de “sexo”, pois o beijo faz parte do sexo, e ninguém chama a caricia do beijo de “sexo labial”, da mesma forma carícias com a boca também não é separado como se fosse outro sexo.

Sulamita convida o seu amado para a intimidade:

“Levanta-te, vento norte, e vem tu, vento sul; assopra no meu jardim, para que destilem os seus aromas. Ah! entre o meu amado no jardim, e coma os seus frutos excelentes!” [1]

Veja a fala de Sulamita: “sopra no meu jardim, para que destile os seus aromas”, que jardim seria esse que ela fala para ele soprar? E com que o seu amado daria esse “sopro”? Que faria com que o cheiro se elevasse? Ela diz que o sopro do seu amado no seu jardim, destila aromas, considerou como um perfume que iria ser exalado quando ele soprasse!O cheiro de seu corpo inclusive dos órgãos sexuais para ela tinha cheiro, e não um odor de repugna!

“Ah! entre o meu amado no jardim, e coma os seus frutos excelentes!” [2] Na continuidade ela convida o amado a entrar no jardim e comer os seus “frutos excelentes”, ela chama algo no seu corpo de “jardim”, e esse tem “frutos excelentes”, e convida ele a saborear esses frutos, com o que ele poderia saborear esses frutos? Veja que no contexto Salomão diz:

“Jardim fechado és tu, minha irmã, esposa minha, manancial fechado, fonte selada”. [3]

Até mesmo os mais tradicionais na interpretação desse texto entendem que esse versículo fala do órgão sexual de Sulamita, que Salomão se refere a “Jardim fechado”, certamente pelo fato de ela não haver ainda tido relação sexual.

Na seqüência ele diz que os renovos da jovem são um “pomar de romãs, com frutos excelentes”, mas uma vez ele se refere ao sexo de Sulamita como “frutos, excelentes”, sem ter nenhum receio ou constrangimento de falar sobre o paladar.

Salomão em forma poética fala de sua intimidade com Sulamita: “Já entrei no meu jardim, minha irmã, minha esposa; colhi a minha mirra com a minha especiaria, comi o meu favo com o meu mel, bebi o meu vinho com o meu leite; comei amigos, bebei abundantemente, ó amados”. [4]

Qual seria esse jardim que Salomão diz que entrou e colheu mirra uma essência aromática? E ainda se refere ao mel, vinho e leite! Se fosse interpretar como sentido literal, poderíamos dizer que a mirra é uma planta que produz um perfume, e, portanto é colhido num jardim com as mãos, mas e o “vinho e o leite” , que ele diz que bebeu, são plantados e podem ser colhidos num jardim?

A cultura ocidental banalizou o sexo, mas não podemos com isso ter conceitos distorcidos da palavra de Deus, o sexo é sexo, mas há argumentos que a boca não foi feita para isso, e sim para “louvar a Deus”! Concordo que a boca foi feita para louvar a Deus, e se não pode desfrutar os “frutos do jardim”, na qual sulamita convida o seu amado, então podemos ver que hoje há mais pré-conceitos do que nos tempos bíblicos.

Digo pré-conceito, pois conceito é que o nosso corpo é templo do Espírito Santo e se achamos que algum membro do nosso corpo é impuro, pergunto: O Espírito Santo habita em todo o corpo ou somente em alguns membros do corpo? “Não sabeis vós que sois o templo de Deus e que o Espírito de Deus habita em vós”? [5]

Mas se todo o nosso corpo é templo do Espírito então porque achar que um membro do nosso corpo é impuro?

Que há diferenças de mentalidade entre as gerações, isso é verdade, mas não podemos fazer com que o modelo de pensamento de uma geração seja paradigma para outra, pois a bíblia é que deve julgar toda a cultura, e ser o modelo para determinar o que realmente é a palavra de Deus e o que são os nossos conceitos muitas vezes com interferência de pré-conceitos!
____________________________________________
Notas
[1] Cantares 4:16
[2] Cantares 4:16
[3] Cantares 4:12
[4] Cantares 5:1
[5] 2 Coríntios 3:16:

7 comentários:

  1. J. Lima

    Já estava ficando com saudades de você, mas entendo que este seu "desaparecimento" de nossas salas do pensamento é uma necessidade.

    Mas ainda bem que ainda resolveu continuar escrevendo pelo menos em seu blog, os seus excelentes textos!!

    Acho que se eu tivesse escrito o meu texto sobre sexo, dá forma séria em que você abordou a temática em seu blog, não tinha saido tanta confusão assim.

    Mas também é verdade que o sexo continua sendo e, talvez continuará a ser, um tabu, o dogma dos dogmas cristãos, pois o povo em sua grande maioria, tem a mente muito fechada para estes assuntos, digamos, "proibidos".

    Sexo é bom, eu gosto, e quem é que não gosta atire a primeira pedra!!! hahahahaha

    bela reflexão e otimo texto.

    Abraços

    ResponderExcluir
  2. Prezado J.Lima


    Não há como não se excitar lendo o livro de Cantares de Salomão.

    Na minha mocidade era o meu livro preferido, mas tinha um "porém", eu o lia escondido dos meus pais, para não levar um boa surra (rsrrs).

    Esse livro foi uma das maiores revelações dada por Deus ao fogoso poeta Salomão, a fim de que ele exaltasse de forma extremamente bela e erótica, o maior prazer destinado por Ele à nós terráqueos.

    De maneira que aqui na terra "nós sofre, mas nós goza" - como diz o matuto. (rsrsrs)


    Bendito seja Deus!

    Ô Glóooooooooooooria!

    ResponderExcluir
  3. Que isso José lima você já esta sendo casado lá na assembleia de Deus pelas sua heresias liberais e você ainda posta um texto desses?

    Não sei se você sabe mas despregaram sua pregação!

    Mas acontece que eu preparei um texto fictício/verídico que vai arrepiar para mim postar na lista de e-mail com o título de: "animal de rebanho" para mim fazer uma critica ao monopólio da detenção da "verdadeira" interpretaçao da palavra nas maus dos fundamentalista.

    ResponderExcluir
  4. Carissimo Professor Jose Lima;

    Demorei mais cheguei. Fiz a leitura do seu texto acompnhado da minha esposa. Ela não expressou nenhuma palavra, mais vi seus olhos brilharem.

    Que aula de sexologia, poesia e teologia, meus parabens!!!

    ResponderExcluir
  5. Gresder não acho que foi intenciona, visto que eu preguei no sábado de manhã e a noite.
    mas a realidade que toda a pregação biblica sempre será contrariada por outro pregador, e os pontos de vista nem sempre são vistas de um mesmo ponto!
    Agora quanto ao artigo acho que você percebeu que em nenhum momento afirmo nada, e sim faço preguntas que levam a reflexão.

    Confirma o ponto de vista de quem já tem esse entendimento e confronta os que tem pensamento de oposição, mas o texto deixa apenas IMPLICITO E não faz afirmação, esse é o método que adoto como minha pedagogia. ok?
    Agora você entra no meu blog e não consegue fazer um comentário do meu texto sem fazer um MARKETING do seu hein?
    "QUE É ISSO COMPANHEIRO?".
    Da proxima vez que entrar por gentileza faça critica ao texto, mesmo porque eu leio todos os posts do seu blog ok?
    hahahahahahahahaha
    Fazer propaganda no meu blog?
    Essa não!!!
    Acho que o Marcio tem razão em muitas coisas que fala de você! hahahahhahahahaha
    Abraço.

    ResponderExcluir
  6. Jair.
    Grato e honrado com a presença de um verdadeiro poéta no meu blog.

    Gosto de poésia, mas tenho na veia a filosofia, e essa sufoca a poesia que tem em min.

    Gostaria de fazer conexão entre as duas, ai sim fica menos ácido os textos é isso que estou tentando fazer, mas é uma tarefá árdua! ufa! rsss.

    Esse texto surgiu num aconselhamento, quando uma irmã queira me ligou pedindo um conselho que ia separar do marido pela razão de que ele gostava de "sexo oral", fiquei num dilema, pois não queria falar para ela o que era certo ou errado, na conversa que tive com ela transformei o que eu acreditava em forma de perguntas, que ao mesmo tempo questionava a visão que ela tinha do tema em questão!

    Esse tão chamado MÉTODO PRÉ-SOCRATICO, que nosso mestre JESUS usou com exímia maestria, não é mesmo?

    Acho que esse texto da maneira que foi escrita ele vai preparando a pessoa, não afirma diretamente mas vai questionando os préssupostos da pessoa, colocando dúvida sobre o que ela já entende do assunto e tem como verdade absoluta.

    Mesmo porque os pais da igreja primitiva e grande parte da liderança hoje quiseram estragar o livro de cantares interpretando como ALEGORIA ENTRE CRISTO E A IGREJA, sinceramente se tinha algo que Salomão não estava pensando quando escreveu CANTARES era ai igreja. Hhahahaahhahhah

    Ah e a irmã que aconselhei me ligou dois meses depois dizendo que o seu casamento estava na SEGUNDA LUA DE MEL. hahahahahahhahah

    Acredito que ela está convidando o seu ESPOSO a entrar no seu jardim e saborear o VINHO E O MEL! Hhahahahahahahhaha

    Jair um abraço e volte sempre que quiser.
    È sempre bem vindo.

    ResponderExcluir
  7. Meu Irmão Jose Lima;

    Devo dizer que sua forma de escrita suaviza o tema abordado, visto que este é um dos temas mais dificeis para Igreja fundamentalista a qual pertencemos.

    Gostaria de deixar registrado aqui o meu incentivo de que continue a escrever com esta clareza e leveza, na qual prende o leitor ao texto proposto, de maneira que todas consigam entender.

    A poesia tem esta qualidade; Mas confesso que mesmo sendo um poeta, tenho muita dificuldade para escrever textos polemicos.

    Faça-me uma visita, deixe lá o registro da sua passagem, vamos estreitar os laços de uma nova amizade.

    Forte abraço.

    ResponderExcluir